Malditas fronteiras

Prêmio Nacional Cidade de Belo Horizonte Finalista do Prêmio Benvirá

 

Um garoto brasileiro e uma menina alemã vivem o final de sua infância. Um cervejeiro busca a fórmula de uma bebida medieval. Enquanto isso, o Brasil e o mundo se preparam para a Segunda Guerra Mundial.

O colecionador de sombras

Após dez anos sem publicar um novo livro, João Batista Melo retornou em 2008 com o lançamento de "O colecionador de sombras". Retornando aos seus temas usuais, que incluem fortes elementos de realismo mágico e fantasia, os contos deste livro introduziram alguns novos elementos relacionados à vida urbana no Brasil, com seus componentes de tensão social, violência e individualismo.

Lanterna mágica: infância e cinema infantil

Finalista do Prêmio Jabuti na categoria Comunicação

 

Baseado na primeira dissertação acadêmica defendida no país sobre o cinema infantil brasileiro, "Lanterna mágica: infância e cinema infantil" traça um amplo panorama da produção de filmes para crianças no Brasil e no mundo, abordando seus aspectos estéticos e pedagógicos. Um livro que interessa a professores, psicólogos, cinéfilos e pais.

Descobrimentos

Livro de bolso com três narrativas construídas na tradição do gênero das histórias alternativas, variante da ficção científica que trabalha com versões possíveis de fatos históricos: a novela inédita 1500 e os contos O caminho das Índias e a A moça triste de Berlim. O livro ainda inclui uma introdução de Roberto de Sousa Causo, na qual o principal crítico literário do país especializado no gênero, explica os fundamentos e o desenvolvimento da "ficção científica recursiva", também conhecida como História Alternativa.

Patagônia

Prêmio Nacional Cruz e Sousa de Romance

 

No início do século XX, um brasileiro viaja para a distante Patagônia para se vingar da morte de seu irmão. O alvo de sua busca é um bandido norte-americano que tinha viajado secretarmente para a América do Sul: o legendário Butch Cassidy.

Assaltos a trens e galopadas nas planícies são recriados na escrita poética e premiada de João Batista Melo, tendo como pano de fundo a passagem verídica de Butch Cassidy e Sundance Kid pela Argentina.

Patagônia foi o vencedor do Prêmio Nacional Cruz e Sousa de Romance.

Um pouco mais de swing

Premiado com a Bolsa da Biblioteca Nacional para obras em fase de conclusão

 

Em sua imaginação, um homem viaja com o filho pelo mundo afora. O filho adotivo de um criador de abelhas relembra sua terna relação com o pai. Um milionário paulista compra um pacote turístico para o front de uma guerra em outro continente. Nas 15 histórias de "Um pouco mais de swing", que incluem a republicação de "O inventor de estrelas", novas incursões por um universo que paira entre o mundo real e uma realidade na qual tudo pode acontecer.  

As baleias do Saguenay

Prêmio Paraná de Literatura

Prêmio Nacional Cidade de Belo Horizonte

Um homem doente viaja para os distantes rios do Canadá em busca de uma baleia. A embarcação de Colombo é cercada por monstros a caminho de uma América desconhecida. Um inimigo da ditadura de Getúlio Vargas planeja destruir o dirigível alemão Hindenburg no Rio de Janeiro. Dois amigos compartilham sua velhice numa casa mal assombrada. Um astronauta viajando através do espaço ouve a voz de uma mulher e sua vida muda completamente.
Segunda coleção de contos de João Batista Melo, publicada em 1995. 

O inventor de estrelas

Prêmio Guimarães Rosa

 

Primeiro livro de João Batista Melo, publicado em 1991, O inventor de estrelas apresenta histórias que já mostram a forte influência do realismo mágico e da ficção científica em seu trabalho. Uma mulher espera para sempre o retorno de seu filho, que desapareceu pilotando um avião na véspera de um Natal. Um guarda florestal procura por uma cachoeira desconhecida no meio da floresta. Um bancário tenta sobreviver numa pequena cidade contaminada pela poluição do ar. 

João Batista Melo publicou contos em várias antologias, como "Geração 90, Manuscritos de Computador", organizada por Nelson de Oliveira, e "Des nouvelles du Brésil", organizada por Clélia Piza e publicada pela editora francesa Metailié. Também incluem trabalhos do autor as antologias "Contos da Favela" (org.Nelson de Oliveira), "Todas as gerações: o conto brasilisense contemporâneo" (org. Ronaldo Cagiano), Contos imediatos (org. Roberto de Sousa Causo)